Natal, Natal, Natal…

mafalda1.jpg

Natal é um mistério, o nascimento impensável e inconcebível de Deus que se fez homem. É o mistério do amor. Mas Deus não ama de longe, do alto das estrelas.

O Deus que assume a condição humana preenche o impreenchível abismo que separa o Criador da criatura, o infinito do finito, o eterno do tempo. É o mistério do amor que torna possível o que parecia impossível. Ao homem totalmente perdido, solitário, confuso, incapaz de entender a si mesmo, Deus não dá um ensinamento, uma doutrina, uma ideologia; ele dá a si mesmo. Ele vem até o homem. Invade sua história e penetra até sua raiz mais escondida, para colocar lá a semente do amor, inestancável e fecundo.
O Natal é para todos, um convite à conversão, que significa sair de si, do eterno egoísmo, das próprias comodidades e ambições, para colocar-se na caminhada em direção aos pequenos, como fez Jesus que, “sendo de condição divina, não se prevaleceu de sua igualdade com Deus, mas aniquilou a si mesmo, assumindo a condição de escravo e assemelhando-se aos homens.”

Não deixe que a dura rotina diária, as pressões do mundo, as frustrações e decepções encontradas ao longo da caminhada endureçam seu coração. Não deixe que seu egoísmo torne-o insensível diante do outro. Porque nenhum ser humano por si só, se basta. É suficiente. Até porque, é devido à auto-suficiência humana que vivemos em tempos caos. Onde o predomínio do “eu” acima de tudo, está levando a morte do “nós”. De todos nós.

O Natal é um convite insistente a formar comunhão, onde todos os seres possam usufruir da vida em abundância. E vida em abundância é sinônimo de usufruir da vida em Deus. Não se prive dessa vida. Todos são convidados a partilhá-la e por meio dela serem agraciados pelo amor. Pois o amor não tolera ser acolhido por mãos fechadas, na realidade, se multiplica ao passo que é distribuído. Porque antes mais nada, amor, é gratuidade. 

Feliz Natal! E que o Senhor da vida realize esse milagre da multiplicação ao longo dos teus dias… 

Anúncios

2 Responses to “Natal, Natal, Natal…”


  1. 1 Jana dezembro 28, 2007 às 5:24 pm

    Nossa Dessa!!! Excelente… “somos passaros soltos longe do ninho….”
    E que a luz divina nos invada, trazendo paz e esperança, nesse mundo tão inquieto em que vivemos….!!!!

  2. 2 dezembro 24, 2009 às 9:16 am

    Meu Deus quanto mais te procuro te encontro!Obrigada por me fazer ir sempre mais alem…Como e bom o Natal,ficar junto da familia sem se preocupar em voltar para casa .


Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s




Flickr Photos

dezembro 2007
S T Q Q S S D
« nov   jan »
 12
3456789
10111213141516
17181920212223
24252627282930
31  

RSS Twitter

  • Ocorreu um erro. É provável que o feed esteja indisponível. Tente mais tarde.

%d blogueiros gostam disto: